PUBLICIDADE

Móveis para a área externa: quais são os materiais indicados?

Por Revista Síndico
Última atualização: 03/09/2021

area_externa_com_mobiliario_de_corda_nautica_-_art_dville
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O espaço externo da casa é o lugar onde mais relaxamos, reunimos a família e vivemos momentos de diversão. Mas para garantir um melhor aproveitamento da área, é necessário levar alguns pontos em consideração, como a escolha dos móveis certos para o ambiente.

área externa
Com a pandemi­a, a área externa passou a ser um dos ambientes mais frequentados das casas. Sofá e poltronas de corda náutica da marca German. Tapetes da Gallery e adornos da WeissenHaus. Projeto do escritório PHF Arquitetura (Foto: Gabriel Lima / Divulgação)

É necessário ter cuidado na compra desses itens, tanto para a decoração, no intuito da estética e de acordo com o gosto dos moradores, quanto para a qualidade. “É importante também levar em consideração a durabilidade das peças. Os móveis das áreas externas estão sujeitos às mudanças do clima, como sol e períodos de chuva. Por isso, é interessante escolher materiais de alta resistência, que ora se contraem, ora se expandem” explica o arquiteto Thales Zago.

Materiais ideias

Segundo o Pedro Henrique Ferreira, designer do escritório PHF Arquitetura (@phf.arquitetura), esteticamente, é importante usar produtos neutros, que sejam atemporais. “Para preservar por muito mais tempo, é relevante escolher bons materiais, como corda náutica, que possuem proteção UV, madeira de cumaru, ou ipê, pela resistência, e as telas sintéticas, que também podem ser usadas em almofadas e estofados, pois resistem bem aos raios solares e à água” explica.

Superfícies de concreto e de granilite também são super resistentes à água e absorvem pouco calor, resultando em um maior conforto térmico ao usá-las. Os designers e sócios da marca gaúcha Mezas, Matthias Ambros Von Holleben e Simone Weber, afirmam que, neste caso, as peças não desbotam e não se deterioram, deixando de lado as alterações de cor, dimensão e textura.

“O resultado é um produto íntegro ao longo do tempo, com pouca necessidade de manutenção. Peças de aço inox ou aço carbono, com tratamento de superfície adequado, são boas escolhas”, sugerem.

moveis área externa
No projeto de Alessandra Paim, do escritório ABHP Arquitetura, mesa Kepler, cadeiras Hooke e poltronas Kepler, da Mezas (Foto: Eduardo Liotti / Divulgação)

Móveis atuais

Com a pandemi­a, a área externa passou a ser um dos ambientes mais frequentados da casa. Com isso, os móveis que mais estão em alta para o espaço são aqueles que conseguem reunir design, sofisticação, beleza e conforto em uma única peça. Texturas e materiais naturais, principalmente o concreto, granilite e terrazo, são uma boa aposta.

área externa
No projeto do arquiteto Thales Zago, chaise Sailor de corda náutica da marca Tidelli (Foto: Adriano Kraemer / Divulgação)

Segundo Rafaela Trida, da Art D’Ville, os balanços vão super bem nesse ambiente. “As peças, além de contribuírem com um visual diferenciado, são extremamente aconchegantes. Outro ponto importante para deixar o mobiliário com mais personalidade é a escolha da cor. Tonalidades, como terracota, trazem um colorido elegante para o ambiente”, finaliza.

 

 

Fonte: Revista Casa e Jardim

Imagem: (Foto de capa: César Tadeu / Divulgação, Projeto: Arquiteta Rachel Trida)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE