PUBLICIDADE

Obras em casa: como reformar o apartamento sem incomodar os vizinhos?

Por Revista Síndico
Última atualização: 11/08/2021
,

Reformas
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Fazer uma mudança residencial nem sempre é fácil, especialmente se você procura um apartamento barato no RJ dentro das suas possibilidades financeiras, contando com a programação do orçamento outro impasse para que as obras sigam são algumas regras  do condomínio. Por essa razão, neste post separamos algumas dicas para que você possa realizar obras antes da entrada em sua nova casa – ou mesmo já morando nela, sem incomodar seus vizinhos.

Separamos aqui algumas dicas para garantir que seus vizinhos não se sintam desrespeitados e, ainda, sejam amigáveis ​​quando você der sua festa de inauguração – quem sabe até participando dela! Acompanhe a seguir!

 

1. Comunicação é tudo!

Informe seus vizinhos com antecedência sobre a reforma planejada. Encare os fatos, não há necessidade de começar com o pé esquerdo com as pessoas das quais você pode viver nos próximos anos. Informe-os sobre o escopo do seu projeto, o prazo esperado e as informações de contato, caso eles tenham algum problema e precisem entrar em contato com você ou com o seu pedreiro/engenheiro de obras.

piso
Realize obras antes da entrada em sua nova casa – ou mesmo já morando nela, sem incomodar seus vizinhos.

 

2. Faça um bom exercício de empatia

Conheça a programação diária do seu vizinho e leve isso em consideração ao definir uma programação de trabalho com o seu contratante. Lembre-se de que algumas pessoas trabalham em regime home office, ou mesmo à noite, em casa ou têm filhos pequenos. Por isso, tente se colocar no lugar do vizinho. Informe-os sobre os horários que definiu com o seu empreiteiro: dessa forma, se as regras não forem seguidas – especialmente se não estiver a viver na casa durante a reforma – os seus vizinhos podem te informar. Se decidir que o trabalho será feito fora de um horário convencional, só o faça depois de seus vizinhos darem luz verde para você. E quanto mais perto seu imóvel estiver de seus vizinhos, especialmente se a reforma for realizada em um prédio de apartamentos ou uma casa residencial, mais atencioso você deve ser com isso.

 

3. Seja cordial e faça uma política de boa vizinhança

Traga uma oferta de paz logo ao início, afinal de contas: barulho, sujeira e vai e vem de pedreiros incomoda quem está ao seu redor. Isso é ótimo para fazer antes mesmo de começar a construção, mas também pode ser um toque agradável depois que qualquer parte particularmente árdua do projeto estiver concluída – especialmente se você sabe que era um inconveniente para o seu vizinho. Uma cesta de produtos assados ​​ou uma garrafa de vinho podem ajudar muito. Ou, quem sabe, você pode fazer alguns brigadeiros e entregar uma cartinha avisando sobre a intenção da reforma, colocando seus dados de contato no papel, para o caso de qualquer necessidade de comunicação.

 

4. Alinhe tudo muito bem com a equipe de trabalho

Seja claro com o seu pedreiro ou equipe de obras sobre as regras do local ou quaisquer restrições, mas lembre-se de que, independentemente de suas ações, é responsabilidade final do proprietário retificar qualquer situação. Se os trabalhadores sujarem com raspas de tinta o corredor ou o muro que pertence à propriedade do vizinho, sempre esteja disponível e ciente de que deverá limpar a bagunça no final do dia. Perceba que, embora você possa chegar em casa e encontrar sua casa e área limpa de escombros, as chances são de que os trabalhadores não vão limpar a propriedade do seu vizinho. Afinal, foram contratados para o seu imóvel, e não o contrário.

projetos de obra
Seja claro com a sua equipe de obras sobre as regras do local ou quaisquer restrições.

5. Esteja atento a pequenos detalhes

Se você mora em uma área com estacionamento na rua, preste atenção onde os veículos de trabalho extras ou as caçambas/lixeiras serão estacionados. Ninguém quer olhar pela janela da frente e ver uma lixeira bloqueando sua visão. Ou ainda, é difícil gostarem de ter uma vaga a menos de estacionamento rápido para visitantes ou si mesmos sendo eliminada por um período considerável de tempo.

 

6. Esteja sempre por perto e sendo cordial

Jamais abandone a obra na mão dos pedreiros. Faça check-in sempre que possível com seus vizinhos, durante todo o processo. Isso permitirá que você faça as pazes, se necessário, antes que eles tenham horror à sua presença e leve meses para você pensar no motivo para caras feias quanto a algum incidente que você nem sabia que ocorreu. Essa atitude também lhe dará a chance de mantê-los atualizados sobre como as coisas estão progredindo e se você está no caminho certo com o cronograma do projeto. Seja sempre cordial.

 

7. Comemore comunitariamente, dentro de suas possibilidades

Depois que a reforma estiver concluída, convide-os para jantar ou para uma festa na cobertura do prédio ou mesmo dentro do seu apartamento – se o espaço permitir. Isso lhe dará a oportunidade de mostrar a eles o projeto concluído e também de brindar a eles por sua paciência. Agora, se você for mais discreto e reservado, também se lembre de que não é obrigado a isso. Por essa razão, saiba também que nem sempre manter uma proximidade é a única alternativa; pense também no que te traz conforto e comodidade, porém, entendendo o impacto da sua reforma para a vida das pessoas que estão ao seu redor. Ser gentil não lhe custa nada. E, agradar aos vizinhos, dependerá também da sua capacidade de comunicação, vontade, empenho – e em último caso, também das possibilidades de seu orçamento. Se isto não for possível, também não se culpe! Apenas faça o básico: comunicar e manter uma comunicação suficiente e esclarecedora. Isso o ajudará a viver em paz em seu local novinho em folha, sem ter que aguentar cara feia ou algum nariz torcido no futuro!

 

8. Evite intrigas e seja ponderado

É claro que de vez em quando, independentemente de quão atencioso você tenha sido, haverá o caso de um vizinho difícil que você nunca conseguirá agradar. Contanto que você saiba que fez um esforço razoável, talvez precise aceitar o relacionamento como ele é. Lidar com pessoas nem sempre é fácil. Mas esteja ciente: nunca é demais estender a mão ou os ouvidos e respirar fundo quando você tem a oportunidade de viver em harmonia com a vizinhança. E um conselho de advertência para o caso de intrigas: você nunca sabe quando quem terá de conviver com barulho e uma nova obra no local de moradia poderá ser você, e será você que estará pedindo a todos que cooperem. Se você fez um inferno para seus vizinhos, eles provavelmente retribuirão o favor sem pensar duas vezes. Então, que tal fazer a sua parte?!

 

Gostou destas dicas para reformar seu apartamento sem incomodar os vizinhos e fazendo uma boa política de relacionamento? Compartilhe este post em suas redes sociais!

 

Por: Luiz Brandt

Imagens: Pixabay e Pexels

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE