PUBLICIDADE

CASACOR Rio 2022: celebração do bem-estar

Por Revista Síndico
Última atualização: 09/06/2022

Casacor-rio-casarao-Brando-Barbosa
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Passado e futuro se misturam e convivem em harmonia no Palacete Brando Barbosa, uma bucólica propriedade do ano de 1860, vizinha ao Jardim Botânico do Rio de Janeiro. É lá que acontece a 31ª edição da CASACOR Rio, que abriu a programação nacional de 2022 da CASACOR, uma das mais importantes mostras de arquitetura, design de interiores e paisagismo das Américas.  No Rio, 43 equipes de profissionais assinam 45 ambientes, que ocupam praticamente todos os 12 mil metros quadrados da propriedade. 

De acordo com Patricia Quentel, sócia-diretora da CASACOR Rio, enquanto em 2021 a arquitetura original e os ares palacianos da casa foram as grandes estrelas dos ambientes, dessa vez as propostas são inovadoras, com novos usos para os espaços, ares mais contemporâneos na decoração e soluções que podem facilmente ser replicadas em outros grandes imóveis pelo Brasil afora. Tudo isso protegendo e preservando as características originais do casarão, tombado pelo Instituto Estadual do Patrimônio Cultural (Inepac). “O público visitante tem sido além das nossas expectativas. Todos têm se encantado com o palacete, seus jardins e os 45 ambientes da mostra. Aos finais de semana, temos recebido as famílias desde às 10h. Elas vêm para o café da manhã, um dos bons programas desta edição”, comenta Patricia. 

Ela diz que os dois anos de pandemia e, consequentemente, o maior tempo das pessoas em suas casas teve uma influência direta nos projetos: “Isso se reflete na presença do verde, não só com plantas, mas com cores e revestimentos; na seleção das obras de arte, que trazem personalidade a cada ambiente; e na multifuncionalidade de alguns espaços. Uma casa leve, com alma, memória afetiva e boas energias”.

 

Sustentabilidade e forte presença de arte são tendências 

Além da presença intensa de obras de arte nos ambientes, outra tendência que chama a atenção nesta edição é a sustentabilidade. No terreno do palacete, foram instalados estúdios, espaços comerciais e casas com métodos construtivos rápidos, limpos e sustentáveis. São ambientes que podem ser montados em cerca de três meses e até mesmo desmontados e remontados em outros lugares.

Os espaços para o autocuidado também se destacam. Os banheiros, antes voltados exclusivamente para a higienização, ganharam uma nova vocação: a de verdadeiras salas de banho. Além disso, há espaços para descompressão e relaxamento.

Já a multifuncionalidade dos ambientes é uma característica que surgiu como uma demanda da pandemia. Os ambientes ganharam várias possibilidades sem afetar a qualidade do convívio familiar. Um exemplo é a cozinha, que pode ser usada como uma área para café. E, pensando nessas múltiplas funções, os cômodos integrados, sem paredes, ganharam mais força do que nunca. 

Com relação à cor, o verde é o queridinho da vez. Além da exuberância do jardim, que entrou definitivamente em casas e apartamentos, ele aparece nas paredes, em texturas, tecidos e materiais variados. 

 

Uma recepção em grande estilo 

Um dos ambientes desta edição é o #Pergolando2022, assinado pelo arquiteto e colunista da Revista Síndico – Cidades&Serviços Victor Niskier. Ele surgiu como um desdobramento do conjunto de pérgolas funcionais construído pelo profissional para a edição do ano passado. Foi elaborada para preencher o hiato entre o portão da propriedade e o palacete. 

varanda
Ambiente assinado pelo arquiteto Victor Niskier, na nova edição do CASACOR Rio

O espaço traz uma nova cara à bilheteria e um espaço diferente na saída, com uma biblioteca, uma cozinha funcional e um estar. O ambiente monocromático do ano passado deu lugar a uma paleta de tons terrosos, como marrons, verdes e terracota, que trazem aconchego a essa grande área de convívio, onde peças de design nacional e obras de arte ganham destaque. Tudo isso integrado a um bambuzal. 

“Revisitar o mesmo endereço foi uma novidade na CASACOR Rio, mas que devido à importância do endereço, é totalmente compreensível. A edição de 2022 é um novo olhar para o mesmo local. No meu #pergolando2022 empreguei aspectos menos protocolares e mais quentes, criando um ambiente mais aconchegante. Se em 2021 o maior apelo era assepsia, em 2022 é o conforto. Um grande deck é proposto e diferentes formas de estar convidam o visitante a explorar os 300 metros quadrados do ambiente desenvolvido por mim”, comenta Victor. 

Ele reforça que os dois anos de pandemia tiveram uma influência direta nos projetos: “É essencial a compreensão de que o comportamento pós-isolamento da sociedade se reflete de forma diferente ao que era antes. Há uma busca por identidade e uma casa que reflita o usuário”.

 

CASACOR RIO 2022 – A mostra segue até o dia 26 de junho no Palacete Brando Barbosa (Rua Lopes Quintas 497, Jardim Botânico, Rio de Janeiro), de terça a sexta, do meio-dia às 21h; e sábado, domingo e feriados, das 10h às 21h. De terça a sexta, o ingresso custa R$ 80. Já aos sábados, domingos e feriados, R$ 90. Crianças de até 10 anos não pagam. Idosos acima de 60 anos, estudantes com carteira oficial, deficientes (e um acompanhante) e professores das redes pública e privada (desde que apresentem documento válido com foto) pagam meia entrada.

 

Confira o calendário de edições nacionais da CASACOR em 2022:

Goiás – Começou no dia 20 de maio e segue até o dia 5 de julho.

Tocantins – Começou no dia 20 de maio e segue até o dia 3 de julho.

Paraná De 25 de junho a 13 de agosto.  

São Paulo – De 5 de julho a 11 de setembro.

Rio Grande do Sul – De 5 de agosto a 2 de outubro.

Minas Gerais – De 9 de agosto a 25 de setembro.

Ribeirão Preto – De 16 de agosto a 2 de outubro.

Brasília De 3 de setembro a 30 de outubro.

Paraíba De 1º de setembro a 16 de outubro.

Espírito Santo – De 21 de setembro a 20 de novembro.

Ceará – De 27 de setembro a 6 de novembro.

 

Por: Gabriel Menezes

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE